Laringectomia parcial por via externa no tratamento do cancro laríngeo – Ainda fará sentido?

Luís Filipe Fonseca, Joaquim Castro Silva, João Fernandes, Eduardo Breda, Eurico Monteiro
2014
Introdução: O tratamento do cancro da laringe pretende controlar a doença e preservar simultaneamente a estrutura e funções laríngeas. O propósito do nosso estudo foi determinar se a laringectomia parcial por via externa mantém o seu lugar no panorama actual do tratamento do cancro da laringe. Desenho do estudo: Os doentes submetidos a cirurgia parcial laríngea por via aberta no IPO Porto foram estudados relativo ao período compreendido entre o dia 1 de Janeiro de 1998 e o dia 31 de Dezembro de
more » ... a 31 de Dezembro de 2010. Materiais e métodos: Os processos clínicos foram revistos, à procura de aspectos oncológicos e funcionais. As taxas de sobrevivência foram calculadas através do método de Kaplan- Meier. Resultados: Os resultados oncológicos e funcionais dos nossos doentes estão de acordo com os resultados favoráveis registados noutros centros. Conclusão: O tratamento do cancro da laringe deve ser individualizado de acordo com factores relacionados com o tumor, o doente e o cirurgião. A laringectomia parcial por via externa permite em casos seleccionados alcançar bons resultados funcionais sem negligenciar o prognóstico dos doentes com tumores da laringe.
doi:10.34631/sporl.88 fatcat:ao4smnghl5csvf2yvxf3ez3mee