CENTRO DE ESTUDOS DO TRABALHO, AMBIENTE E SAÚDE SEMINÁRIO INTERNACIONAL-QUESTÕES DO TRABALHO, AMBIENTAIS E DA SAÚDE DO TRABALHADOR Presidente Prudente, de 14 a

Wilson Lussari, Antonio Leal, Gadis
2013 unpublished
Introdução: A presente pesquisa deriva de nossa experiência no grupo de apoiadores desde 2006. Ao buscar uma compreensão sobre o rumo que uma organização cooperativa adota, se perseguiu uma identificação de como ela é orquestrada e por quem ela é orquestrada. A fim de contextualizar tal organização neste projeto precisou estabelecer uma perspectiva que necessita abordar pontos pertinentes: sociedade, exclusão, lixo, precarização do trabalho. Visa demonstrar que o grupo de apoiadores de um
more » ... iadores de um projeto de intervenção social desenvolve um duplo papel em prol dos beneficiários: 1. Agentes institucionais os quais usam suas respectivas instituições para direcionar ações e decisões de forma a beneficiar transformações no espaço de trabalho do beneficiário; 2. Influenciar o modelo de emancipação do espaço geográfico do trabalho dos beneficiários (cultural, formativa, ideológica, social e psicologicamente). A hipótese é que quem causa isto são os apoiadores, porque a perspectiva original cooperativista surgiu deste grupo e a perspectiva e todo processo de gestão por mais de dez anos aconteceu por intermédio deste grupo. Nossa tese reside em evidenciar e investigar se o problema é real e existe de fato. Ele será realizado a partir de uma análise sistemática de gestão ao longo dos últimos 10 anos. Metodologia/Desenvolvimento: O aprofundamento da análise exigirá não só a revisão da literatura sobre os diferentes trabalhos envolvendo a Cooperlix de Presidente Prudente-SP, mas, principalmente, os mecanismos de articulação interinstitucionais que caracterizam a geografia do trabalho, visto que o estudo nos leva a identificar um tecido sócio-organizacional que transcende a própria cooperativa e seus cooperados. Uma vez que toda pesquisa implica o levantamento de dados de variadas fontes, utilizaremos a pesquisa-ação, através de observação direta intensiva (observação e entrevista) e também observação direta extensiva (questionário). Pesquisa exploratória a fim de identificar e sistematizar dados atuais sobre o espaço do trabalho e sua influência no comportamento dos que atuam nele. Pesquisa documental, nas diferentes organizações envolvidas, com o propósito de mapear a influência e interação entre elas e a Cooperlix. Entrevistas junto aos indivíduos que compõem o grupo de apoiadores, os quais serão selecionados segundo alguns critérios. Entrevistas junto aos cooperados a fim de identificar e compreender suas percepções acerca das transformações que ele tenha sofrido, influenciado pelos apoiadores. A partir da produção das informações, será estabelecida a identificação do modelo de gestão adotado nos últimos dez anos. A análise acontecerá em diversos momentos, uma vez que cada etapa da pesquisa demandará uma análise em particular. Considerações finais: Os resultados desta pesquisa contribuirão para se estabelecer a compreensão das práticas de ação do grupo de apoiadores e seu impacto na gênese e desenvolvimento da cultura de uma cooperativa de recicladores de resíduos sólidos. Palavras-Chave: Educação Ambiental, Cooperativismo, Reciclagem, Gestão Ambiental.
fatcat:ybwart7zzbbirjzjrho7zhsh64