Paulo Silva sobre Carlos Gomes: notas sobre o ensino de contraponto nos séculos XIX e XX

Roberto Macedo
2020 Revista brasileira de música  
Em 1936 era publicada uma edição da Revista Brasileira de Música comemorativa do centenário de nascimento de Antônio Carlos Gomes (1836-1896). Neste volume, um interessante artigo de Paulo Silva tratava dos estudos de contraponto e fuga do autor de Il guarany. Silva, professor de contraponto e fuga do então Instituto Nacional de Música, selecionou exemplos de exercícios de Gomes realizados na Itália sob a orientação de Lauro Rossi, professor e diretor do Conservatório de Milão. Em muitos desses
more » ... o. Em muitos desses exemplos, são apontados erros ou deslizes que Silva atribui, pelo menos em parte, às deficiências do método de ensino de Rossi. O presente trabalho busca encontrar as motivações, estéticas e ideológicas, subjacentes aos comentários presentes em seu artigo. A figura do partimento e seus desdobramentos na formação contrapontística de Gomes foram o ponto de partida para a discussão sobre o ensino do contraponto na Europa e no Brasil no século XIX e primeira metade do XX. A isso soma-se uma menção ao ambiente musical brasileiro à época em que o artigo de Silva foi publicado.
doi:10.47146/rbm.v33i1.37017 fatcat:jylromtjavbd5pnca42okpj4pa