Narrativas de professoras paulistas: contribuições para a formação e a prática de ensino no meio rural

Áurea Esteves Serra, Kamila Cristina Evaristo Leite, Noely Costa Dias Garcia
2020 Educa  
A partir de narrativas de 13 professoras, foi possível a compreensão da formação e das práticas educativas exercidas em escolas primárias localizadas nas zonas rurais de três municípios paulistas: Birigui, Rio Claro e São José do Rio Preto. As fontes orais foram compostas por entrevistas com quatro professoras do município de Birigui, cinco professoras de Rio Claro e quatro professoras de São José do Rio Preto. O recorte temporal para este estudo abrange as décadas de 1940 a 1990, período em
more » ... 1990, período em que as professoras entrevistadas lecionaram nas escolas primárias rurais nos três municípios destacados.O referencial teórico-metodológico utilizado para a pesquisa são pressupostos da História Oral, a partir de estudos de Albertini (1990), permitindo, por meio de entrevistas semiestruturadas com as referidas professoras, um diálogo, rememorando o tempo vivido por elas nas respectivas escolas primárias rurais. Os resultados finais confirmam que a formação inicial, bem como as práticas educativas realizadas nesse âmbito, aproxima-se das escolas urbanas e, com exceção da horta, como prática diferenciada, não havia uma formação diretamente relacionada à prática de ensino dos professores para o ambiente rural.
doi:10.26568/2359-2087.2020.5522 fatcat:f76xuufeeje7fmuc5pfsrtwuay