Homofobia na escola: relatos de universitários sobre as piores experiências

Paloma P. Albuquerque, Lúcia Cavalcanti A. Williams
2015 Temas em Psicologia  
Resumo A homofobia pode estar presente nas escolas de diversas formas, envolvendo múltiplos agentes escolares e favorecendo o desenvolvimento de diferentes sintomas psicológicos e psiquiátricos por parte das vítimas. A presente pesquisa teve o objetivo de descrever os relatos retrospectivos de estudantes universitários sobre as suas piores experiências escolares motivadas por homofobia, apontando a duração das mesmas, os principais agressores envolvidos e os sintomas advindos dessas
more » ... dessas experiências. Entre os 638 participantes que responderam à "Escala sobre Experiências Escolares Traumáticas em Estudantes -Revisada" de um estudo mais amplo sobre vitimização escolar, 21 (3,3%) descreveram componentes homofóbicos na pior experiência. Os relatos descrevem principalmente vitimização verbal e também situações de isolamento social, sendo que para 14 desses estudantes a experiência durou "anos". Em relação às consequências da homofobia, 19 participantes apontaram que se "incomodaram muito com a experiência", sendo descritos sintomas clinicamente signifi cativos, tais como de depressão e de Transtorno de Estresse Pós-Traumático. Aponta-se a necessidade de novas pesquisas e são discutidas potenciais intervenções na escola para combater a homofobia. Palavras-chave: Homofobia na escola, bullying homofóbico, sintomas de homofobia na escola. Abstract Homophobia may be present at schools in several ways, involving multiple school agents, and favoring the development of many psychological and psychiatric symptoms by victims. This study aimed to describe university students retrospective reports on their worst school experiences motivated by homophobia, identifying their duration, main perpetrators involved, and symptoms resulting from these experiences. Among the 638 participants who answered the "Student Alienation and Trauma Survey -R" for a larger Brazilian study on school victimization, 21 (3.3%) reported homophobic components in their worst experience. The reports describe mainly verbal victimization and also social isolation situations, and for 14 students the experience lasted for "years". In terms of consequences from homophobia, 19 participants indicated that they were "much bothered from the experience", describing clinically 1 Endereço para correspondência: Rua Guatemala, 166, Vila Brasília, São Carlos, SP, Brasil 13566-720. Fones: (16) 3306-9405, 98221-4571.
doi:10.9788/tp2015.3-11 fatcat:yxeumtqeebcnffsqe5g6zauvfi