Experiências escolares dos jovens e seus projetos vitais: um olhar a partir dos modelos organizadores do pensamento [thesis]

Waldir Uller
Universidade de São Paulo -USP -para a obtenção do título de Doutor em Educação. Área de Concentração: Psicologia e Educação Orientadora: Profa. Dra. Valéria Amorim Arantes São Paulo 2012 AGRADECIMENTOS Antes de qualquer manifestação, primeiramente, agradeço a Deus, pelo dom da vida, da inteligência, da dignidade humana, permitindo que eu possa alcançar a sabedoria encontrada no respeito, no amor, na compaixão com o meu semelhante. Aos meus pais José e Liberata, que, na singularidade de suas
more » ... laridade de suas vidas, souberam projetar os seus rebentos para o mundo, despertando neles a vontade de superação e de galgar novas conquistas, diariamente. Devo-lhes a eterna admiração e estima pelo exemplo de vida, de desprendimento, de compreensão e visão de mundo. À Professora Dra. Valéria Amorim Arantes, pelos incentivos, dedicação, orientação e paciência nos encaminhamentos, nas sugestões de leituras e focos a serem pesquisados, nos valiosos conselhos para que pudesse ocorrer o amadurecimento das ideias e este trabalho acontecer. Ao Professor Dr. Ulisses Ferreira Araújo, pelas trocas de informações e aguçado espírito crítico, contribuindo com observações importantíssimas, para o aprimoramento da pesquisa. Aos demais professores que, durante toda minha trajetória escolar, contribuíram com sua capacidade de demonstrar, além de domínio dos conteúdos desenvolvidos, o afeto que permeia a relações interpessoais presentes na sala de aula. Destaco um agradecimento especial ao Professor Dr. Ademir José Rosso, pela caminhada pacienciosa durante os anos de mestrado, incentivo na continuidade dos estudos e reflexões, fazendo com que pudesse alçar voos mais altos. À minha esposa, Adriana Salviato Uller, que, com o seu incansável espírito de luta para empreender novos caminhos buscando novas metas, me ensina a nunca parar e perceber que sempre é possível uma outra perspectiva na resolução das vicissitudes da vida. Aos meus filhos, Amanda Weridyana e Wallace Andrey, pela compreensão, afeto, companheirismo, colaboração em todos os momentos, entendendo a ausência e manifestando orgulho pela trajetória e esforço dos pais que, juntos, trilhamos o penoso caminho do doutorado. Aos alunos participantes da pesquisa pelo pronto atendimento em colaborar. Aos demais, muitos amigos, colaboradores, parceiros de trabalho e de novas conquistas, os nossos sinceros agradecimentos. Tenho aprendido muito com cada uma das pessoas com as quais me relaciono e neste enriquecimento posso ser mais eu, mais maduro, mais seguro, mais profissional, mais compreensivo, mais tolerante e, sobretudo, mais humano, mais gente. 6 RESUMO ULLER, W. EXPERIÊNCIAS ESCOLARES DOS JOVENS E SEUS PROJETOS VITAIS: um olhar a partir dos Modelos Organizadores do Pensamento. 2012. 203 f. Tese (Doutorado) -Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012 O presente projeto apresenta uma investigação sobre as experiências escolares do jovem e os seus projetos vitais, desenvolvida na Linha de Pesquisa Psicologia e Educação da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, como requisito à obtenção do título de doutor. Investiga o que se passa no contexto escolar, analisando o papel da afetividade nas inter-relações entre o aluno, conhecimento e a influência no estabelecimento do projeto vital do jovem adolescente. Procura investigar como as situações de sala de aula, ou no interior da escola, podem influenciar o estabelecimento do projeto vital do adolescente. Pretende defender que, nas experiências escolares, a afetividade está presente nas relações interpessoais, com as experiências que ocorrem, no espaço escolar, e interfere na elaboração do projeto vital do adolescente; o estado emocional afeta as relações entre o professor e o aluno, podendo dificultar ou facilitar o relacionamento do adolescente com a área de interesse futuro exercendo influência no estabelecimento do projeto vital do adolescente. Para tanto, adota os pressupostos da teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento para análise dos dados coletados. Destaca, como instrumento, a entrevista gravada e transcrita. A partir das informações coletadas, delas faz uma análise e traça as categorias e os modelos organizadores do pensamento, apresentando os resultados obtidos e os novos questionamentos advindos dos mesmos resultados. Palavras-chave: Experiências escolares. Projetos Vitais. Afetividade. Juventude. Funcionamento psíquico. Modelos organizadores do pensamento. 7 ABSTRACT ULLER, W. SCHOOL EXPERIENCES OF TEENAGERS AND THEIR LIFE PLANNING: Looking from the Organizational Models of the Thought. 2012. 203 f. Thesis (Doctorate Degree) -Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012 The current work presents an investigation on the school experiences of young people and their life plans, following the Psychological and Educational Research Field of the Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, as a requisite to the doctorate degree graduation. It investigates what is happening in the school context, analyzing the affectionateness function in the interrelationship between student, knowledge and the influence by determining the teenagers" life plans. It tries also to understand how the classroom relationship, or that inside the school environment, is able to affect the planning of the young people"s life project. Yet, it is intended to sustain the idea, on the school experiences, of the existence of affectionateness in the interpersonal relation, taking as an example those experiences occurred in the school environment, that interferes on the teenager life planning; the person"s emotional state affects the relationship between teacher and student, and might difficult or ease the teenager involvement with a specific knowledge field in the future, and influence the young person"s life planning. Setting that as our aim, we adopt the presupposition of the Organizational Models of the Thought to analyze the collected data. Our main goal is a recorded and transcribed interview. From that database, we can analyze and estipulate the study categories and the organizational models of the thought, presenting the results we obtained and those questions generated from them.
doi:10.11606/t.48.2012.tde-17052012-141917 fatcat:xaz3onb3k5gkdll7v2yecyb2wy