Relações estabelecidas pelas enfermeiras com a família durante a hospitalização infantil

Aline Soares de Lima, Vívian Karla Bezerra Alves da Silva, Neusa Collet, Altamira Pereira da Silva Reichert, Beatriz Rosana Gonçalves de Oliveira
2010 Texto & Contexto Enfermagem  
Estudo qualitativo que objetivou analisar as relações que as enfermeiras estabelecem com a família durante o período de hospitalização de seus filhos e verificar como tem sido a participação da família nos cuidados à criança hospitalizada. Os dados empíricos foram coletados por meio da observação participante e da entrevista semi-estruturada. A interpretação dos dados seguiu os fundamentos da análise temática. Os resultados evidenciam que as relações que as enfermeiras estabelecem com as
more » ... lecem com as famílias das crianças hospitalizadas não contemplam as necessidades destas, comprometendo a assistência à díade criança-família. Estas relações são objetivas, sucintas, formais e unilaterais, com predominância da enfermagem. Percebe-se que a família foi inserida na realização dos cuidados à criança, porém tem havido uma delegação de cuidados sem uma coparticipação por parte das enfermeiras, e nem uma negociação dessas ações, remetendo a uma reflexão sobre essas relações de modo que a assistência à díade possa estar balizada pelo princípio da integralidade.
doi:10.1590/s0104-07072010000400013 fatcat:gi22xflk5bhhpflce7s4j6nsha