Sociologia da carne eletrónica. Cultura digital e o imaginário do obsceno

Vincenzo Susca
2017 Revista Lusófona de Estudos Culturais  
Ao contrário da ênfase inicial que tem sido dado a aspetos relacionados com a inteligência e o conhecimento, conclui-se que a web está a transformar-se progressivamente numa plataforma que convida formas estéticas e éticas marcadas por sentidos, emoções e voluptuosidades do prazer, perspetivadas até a partir de um lado negro. Noutras épocas, a pornografia era escondida, obscurecida, pertencendo a uma dimensão marginal da vida coletiva. Hoje, a cultura digital favorece o advento da cultura
more » ... to da cultura porno, onde a pornografia assume uma matriz simbólica, um código comum, uma atmosfera. Neste contexto visual e sensitivo, o obsceno fica mais perto da verdade e a verdade apresenta-se como obscenidade. Que imaginário preside a esta constante mutação?
doi:10.21814/rlec.176 fatcat:v2uxominirhmvdnbmf2qhlinkm