Prevalência de diabetes autorreferido no Brasil: resultados da Pesquisa Nacional de Saúde 2013

Betine Pinto Moehlecke Iser, Sheila Rizzato Stopa, Patrícia Sampaio Chueiri, Célia Landmann Szwarcwald, Deborah Carvalho Malta, Helena Oliveira da Cruz Monteiro, Bruce Bartholow Duncan, Maria Inês Schmidt
2015 Epidemiologia e Serviços de Saúde  
Resumo Objetivo: estimar a prevalência de diabetes autorreferido no Brasil e descrevê-la segundo características sociodemográficas. Métodos: estudo descritivo da prevalência de diagnóstico médico de diabetes em adultos (≥18 anos) sobre dados da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), inquérito domiciliar realizado no Brasil em 2013. Resultados: foram entrevistados 60.202 moradores; a prevalência da doença reportada foi de 6,2% (IC 95% 5,9-6,6), maior nas mulheres (7,0%; IC 95% 6,5-7,5) do que nos
more » ... ns (5,4%; IC 95% 4, 9) , e entre os moradores da área urbana (6,5%; IC 95% 6,1-6,9) do que da área rural (4,6%; IC 95% 4,0-5,2); estimou-se um total de aproximadamente 9 milhões de pessoas com diabetes no país, cerca de 3,5 milhões delas com 65 anos ou mais de idade. Conclusão: os resultados da PNS foram consistentes com outras pesquisas realizadas e mostram um contingente populacional elevado de pessoas com o diagnóstico da doença no país, especialmente nas áreas urbanas. Abstract Objective: to estimate the prevalence of self-reported diabetes in Brazil, describing it according to sociodemographic characteristics. Methods: this was a descriptive study of prevalence of medically diagnosed diabetes in adults (aged ≥18 years), using National Health Survey data, a household survey conducted in Brazil in 2013. Results: 62,202 subjects were interviewed; reported disease prevalence was 6.2% (95%CI 5.9-6.6). It was greater in women (7.0%; 95%CI 6.5-7.5) than men (5.4%; 95%CI 4.8-5.9) and among people living in urban areas (6.5%; 95%CI 6.1-6.9) rather than rural areas (4.6%; 95%CI 4.0-5.2). Some nine million people are estimated to have diabetes in Brazil, around 3.5 million of whom are aged 65 years or more. Conclusion: the results from National Health Survey were consistent with other research conducted, and show an elevated number of people diagnosed as having diabetes, especially in urban areas.
doi:10.5123/s1679-49742015000200013 fatcat:c5mn574rszbefksemyrjsfkhda