A tuberculose multirresistente e a rainha vermelha – A rapidez do diagnóstico é decisiva

João Costeira, Jaime Pina
2007 Revista Portuguesa de Pneumologia  
Resumo A tuberculose multirresistente é uma ameaça importante ao controlo da tuberculose. Neste sentido, é fundamental o diagnóstico precoce da TBMR para adoptar as medidas mais adequadas. Os métodos de detecção da resistência aos antibacilares baseados na avaliação das determinantes genéticas (métodos genotípicos) têm a vantagem, em relação aos métodos clássicos (fenotípicos), de serem mais céleres, poderem ser aplicados directamente na amostra clínica e de identificarem simultaneamente o
more » ... ultaneamente o Mycobacterium tuberculosis complex. A análise dos dados dos doentes internados no Serviço de Pneumologia 2 do Hospital de Pulido Valente mostrou uma significativa prevalência de TBMR (10,3%). Revelou, também, que em 34,1% dos doentes com TBMR a multirresistência não foi identificada, tendo sido a mortalidade nesses doentes de 31% versus 18,4% nos doentes com o perfil de resistências Caso Clínico Clinical Case Abstract The multi-drug resistant Tuberculosis (MDRTB) is a huge menace to Tuberculosis control. The early detection of MDRTB is essential to best appropriate measures. The detection methods for drug resistance based in evaluation of the genetic determinants (genotypic methods), instead of phenotypic methods, allows for faster results, the possibility of direct application in clinical samples and simultaneous identification of Mycobacterium tuberculosis complex. The inpatients data analysis in the "Serviço de Pneumologia 2 do Hospital Pulido Valente", showed a high prevalence of MDRTB (10.3%). In 34.1% of the MDRTB patients the multi-drug resistance was not been identified, with a mortality ratio in this cases of 31% versus 18.4% in the subset of patients with resistance previously identified. Moreover the mortality ratio was worst in
doi:10.1016/s2173-5115(07)70378-0 fatcat:eeklu2vd3jbgpjw5upcfc4bzvi