O soneto e a música: Luís Milán, Jorge de Montemór e Luís de Camões

Sheila Hue
2019 Abril  
O artigo busca demonstrar que o soneto, na época de Camões, era também cantado, e com acompanhamento musical, o que contraria a noção tradicional do "divórcio entre a música e a poesia". Para tanto, procura iluminar o cenário cortesão das práticas poéticas e musicais trazendo à discussão os livros de vihuela, El Cortesano, de Luís Milán, e La Diana, de Jorge de Montemór.
doi:10.22409/abriluff.v11i23.30290 fatcat:mdbt7pj4pfasrmzzcjlrxcwbjm