Importância de cuidados preventivos à criança sob o ponto de vista das mães - doi:10.5020/18061230.2009.p24

Nursan Dede Çinar, Tuncay Müge F?L?Z, Sevil ?AH?N, P?nar TOPSEVER
2012 Revista Brasileira em Promoção da Saúde  
Objetivo: Investigar os comportamentos de proteção das mães que têm crianças entre 0 a 16 anos de idade em relação à imunização, nutrição e cuidados periódicos de saúde. Métodos: Estudo transversal e descritivo realizado em Sakarya, Turquia, cujos critérios de inclusão foram: possuir criança/ crianças ente 0 a 16 anos, dividir o mesmo domicílio com estas, dar consentimento informado para participação na pesquisa. O grupo de estudo (n=368) foi selecionado aleatoriamente dentre mães preenchendo
more » ... mães preenchendo os critérios referidos. A coleta de dados ocorreu entre os anos de 2003-2004. Para investigação sócio-demográfica, utilizouse um questionário semi-estruturado consistindo de 19 questões. Após os procedimentos de teste e re-teste, essas questões de 10 itens da escala Likert (1= pouca importância, 10= maior importância) foram usadas para investigar as atitudes das mães em relação à imunização, nutrição e cuidados periódicos de seus filhos. Resultados: O escore para imunização (9,4±1,2) liderou; nutrição (8,5±1,4) e cuidados periódicos de saúde (8,2±1,6) foram considerados relativamente menos importantes para as mães. A importância atribuída à nutrição e aos cuidados periódicos de saúde aumentou significativamente quanto maiores os níveis de escolaridade materna (r=0,34, p<0,001; r=0,24, p<0,001, respectivamente) enquanto não houve correlação entre imunização e nível de escolaridade materna (r=0,1, p=0,06). Conclusão: As famílias deveriam ser educadas em termos de cuidados à criança, enfatizando a importância da nutrição, imunização e cuidados periódicos de saúde. O estudo sugere que as vacinas da infância são bem conhecidas e apreciadas por mães de todos os níveis de escolaridade.
doi:10.5020/362 doaj:72dd67ed402c423b8ba2a48f48481578 fatcat:5f2kuvkm75de3pko7vtzvwndim