Evaluation of the physiological quality of Parkia platycephala seeds

P Mojena
2017 Elec. Arch   unpublished
Resumo.O presente trabalho objetivou avaliar a influência da escarificação, temperatura e substratos sobre a germinação de sementes de Parkiaplatycephala,e verificar a eficiência do testede condutividade elétrica e envelhecimento acelerado na qualidade fisiológica. A avaliação da superação de dormência foi conduzido utilizando 5 tratamentos (testemunha, escarificação ácida, escarificação mecânica, escarificação com hidróxido de sódio e imersão em água quente), a temperatura de 30ºC e
more » ... e 30ºC e fotoperíodo de 12h.A germinação em diferentes temperaturas (10, 15, 20, 25, 30, 35, 40 e 45ºC) e substratos (papel, vermiculita, terra e Areia) foi conduzida com 4 repetições de 25 sementes, em caixas Gerbox, com fotoperíodo de 12 h. O teste de condutividade elétrica foi realizado a 25ºC, com cinco repetições de 50 sementes embebidas em 75 mL de água destilada por 2, 4, 6, 12, 24, 48, 72, 96 e 120 h. Para o teste de envelhecimento acelerado as sementes foram acondicionadas em caixas transparentes contendo 50 mL de água, sendo submetidas a 42 °C durante 48 h em câmara para germinação de sementes. Os testes de germinação foram conduzidos a 25 ºC com quatro repetições de 25 sementes utilizados quatro repetições de 25 sementes em câmara de germinação a temperatura de 30 o C e fotoperiodo de 12 horas luz. De acordo com os resultados obtidos, conclui-se que: a escarificação mecânica e ácida foram os métodos mais eficientes na superação da dormência tegumentar das sementes; as temperaturas de 25, 30 e 35ºC nos substratos papel e areia proporcionaram os melhores taxas de germinação das sementes. Os testes de CE e envelhecimento acelerado apresentaram ótimos resultados na avaliação da qualidade fisiológica corroborando os obtidos pelos teste de germinação, IVG e velocidade media de germinação sendo eficientes na avaliação do vigor das sementes e poderão ser utilizados rotineiramente para avaliação de qualidade de sementes da espécie. Palavras-chaves: Germinação, IVG, Vigor de sementes, deterioração. Abstract. This study aimed to evaluate the influence of scarification, temperature and substrate on the germination of Parkia platycephala seeds, and check the efficiency of the electrical conductivity and accelerated aging in physiological quality. The evaluation of dormancy breaking was conducted using five treatments (control, acid scarification, mechanical scarification, scarification with sodium hydroxide and immersion in hot water), temperature 30 ° C and photoperiod of 12 hours. Germination at different temperatures (10, 15, 20, 25, 30, 35, 40 and 45C) and substrate (paper, vermiculite, soil and sand) was performed with 4 replications of 25 seeds in gerboxes12 photoperiod H. The conductivity test was carried out at 25 ° C, with five replications of 50 seeds soaked in 75 ml distilled water for 2, 4, 6, 12, 24, 48, 72, 96 and 120 h. For the accelerated aging test seeds were placed in transparent containers containing 50 ml of water, and subjected to 42 ° C for 48 h in chamber for seed germination. Germination tests were conducted at 25 ° C with four replications of 25 seeds used four replicates of 25 seeds in germination chamber temperature of 30 ° C and photoperiod of 12 hours light. According to the results, it is concluded that: the mechanical and acid scarification were the most efficient methods to overcome the cutaneous seed dormancy; temperatures of 25, 30 and 35 ° C in paper substrates and sand provided the best rates of seed germination. The EC and accelerated aging tests showed excellent results in the evaluation of the physiological quality corroborating those obtained by germination test, IVG and average speed of germination and efficient evaluation of seed vigor and can be used routinely for evaluation of species of seed quality.
fatcat:ecztwgx2tzhx3oj2tajr4diqji