Identidade social e crenças coletivas nas lutas camponesas:

Roberto Mendoza Pinto, Kelli F. do Nascimento, Leoncio Camino
2004 Raízes  
Neste artigo se apresentam os resultados da investigação sobre a constituição da identidade do movimento camponês de Massaranduba, PB. Está baseado numa análise psicossocial das crenças coletivas dos camponeses sobre a terra, da percepção sobre a violência e do processo de construção de sua identidade social. O referencial utilizado é da psicologia social: os construtos sobre as relações intergrupais e identidade social de Tajfel (1983). De 300 famílias, foram entrevistados, aleatoriamente, 32
more » ... aleatoriamente, 32 chefes de família e 8 membros do grupo dirigente, sendo essa entrevista do tipo semi-estruturada. Os resultados apontam para uma identidade e percepção social significativamente diferenciada dos membros que participaram, dos que não participaram da luta de resistência pela terra.
doi:10.37370/raizes.2003.v22.219 fatcat:xjmep2xf7zhy5jxq6lr7b26doe