SOBRE AVÓS, NETOS E CIDADES: ENTRELAÇANDO RELAÇÕES INTERGERACIONAIS E EXPERIÊNCIAS URBANAS NA INFÂNCIA

Anne Carolina Ramos
2014 Educação & Sociedade  
O presente artigo analisa as experiências urbanas das crianças em relação ao convívio com seus avós, buscando compreender três aspectos principais: como as crianças apreendem as distâncias e os seus deslocamentos na cidade e entre cidades quando vão visitar seus avós; de que modo as distâncias geográficas interferem no convívio e na proximidade afetiva entre essas duas gerações e como os netos significam as experiências urbanas vividas na casa dos mais velhos. Por meio de relatos verbais,
more » ... os, fotografias e representações cartográficas, as crianças nos mostram que as relações entre proximidade geográfica e afetiva são bastante complexas e que a casa dos avós representa um espaço importante de socialização, sendo talhada no convívio pessoal e virtual entre essas duas gerações.
doi:10.1590/s0101-73302014000300001 fatcat:ydba27wiqjcrbaxurj3i2oxrsu