Listas audíveis, coleções conectáveis: agentes de memória e versões de registro de música

Sabrina Dinola, Regina Abreu, Amir Geiger
2018 Sociedade e Cultura  
Ao longo do século XX e ainda hoje, uma série de projetosdistintos, porém aparentados, dirigiram a atenção e os esforçospara percorrer o Brasil e registrar amostras de sua diversidade.Neste período, sob diferentes perspectivas, pesquisas sobresaberes e práticas musicais no Brasil formaram acervos musicaisvariados, que não apenas testemunharam e preservaram algodas manifestações populares, mas também atuaram comoparte de um processo criativo de construção de memória(s)e identidade(s). Após uma
more » ... dade(s). Após uma breve apreciação da propostaseminal de Mário de Andrade e sua marca para muito alémdos anos 1930, procuramos no cenário contemporâneo novasconfigurações de agentes e agências que estejam veiculandoou realizando a ideia de preservação, porém, segundo eixosem que o reconhecimento das diferenças e diversidades estáassociado a novos protagonismos e novos sujeitos de memória.Ao observar estas variadas ações, ainda destacamos os processoscriativos de apropriação e usos de tecnologias.
doi:10.5216/sec.v21i1.54916 fatcat:qmydgltlhbbdpmrlbtc3olam5e