Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício

Bruno Corrêa Victor, Gustavo Mota, Bernardo Ide
Set/Out. 2013   unpublished
ISSN 1981-9900 versão eletrônica P e r i ó d i c o do I n s t i t u t o B r a s i l e i r o d e P e sq u i s a e E n si n o e m F i s i o l o gi a do E x e r c í c i o w w w. i b p e f e x. c o m. b r / w w w. r b p f e x. c o m. b r TREINAMENTO DE FORÇA E EXPRESSÃO DA MIOSTATINA RESUMO A expressão do gene da miostatina (MST) foi primeiramente reportada na literatura em 1997 e, desde então, tem sido considerada como uma das principais reguladoras negativas do processo de crescimento muscular.
more » ... cimento muscular. Sua inibição, por sua vez, desencadearia um dos mais potentes processos de crescimento muscular, servindo como campo de aplicação tanto em humanos como em animais. Frente ao treinamento de força (TF) em humanos, os níveis de expressão do RNAm para a MST têm sido encontrados reduzidos, fazendo com que sua expressão possa ser considerada como um bom marcador da sinalização hipertrófica induzida pelo TF. Todavia, associações positivas entre os valores basais de RNAm para a MST, e a quantidade de massa muscular, sugerem um novo paradoxo para o crescimento tecidual, pois os indivíduos com potencial responsividade para a hipertrofia muscular também expressam altos níveis de MST. Percebendo nessas pesquisas resultados diferenciados em relação a maiores ou menores expressões e quantidade de RNAm para a MST, objetivamos com este estudo revisar tais experimentos, analisando especificamente a população utilizada, as metodologias de TF empregadas, e as respostas na expressão gênica para a MST. Palavras-chave: Expressão gênica, células satélite, hipertrofia muscular esquelética. ABSTRACT Strength training and myostatin expression Myostatin gene expression was first reported in literature in 1997 and since then it has been considered the main negative regulator of muscle growth process. Its inhibition would lead to one of the most powerful muscle growth processes applied to humans and animals. Following strength training (TF) the MST RNAm expression is reduced to the point of being considered as a marker of the hypertrophy signaling pathways induced by the TF. However, positive associations between basal levels of MST RNAm and muscle mass suggest a new paradox for the tissue growth due the fact that individuals who are responsive to muscle hypertrophy express high levels of MST. Having noticed, in these researches, different results concerning higher or lower expressions and quantities of RNAm for MST, in this study we aimed at revising such experiments, specific analyzing the subjects analyzed, the TF methodologies and the responses of MST gene expression.
fatcat:gyir7yujkrfuvkrz76uwxaor54