O viés funcional do pareamento simbólico função < > forma na abordagem construcional da gramática

Mariangela Rios de Oliveira, Ana Beatriz Arena
2019 Soletras Revista  
Com base na Linguística funcional centrada no uso, nos termos de Traugott e Trousdale (2013) e Bybee (2010; 2015), entre outros, este artigo se volta para o eixo funcional do pareamento função-forma, tal como postulado na abordagem construcional da gramática, com base em Goldberg (1995; 2006) e Croft (2001). Além de discutir acerca dos termos função, significado e sentido no contexto desse viés teórico, propomos que esses termos sejam refinados, a fim de contemplarem a seguinte hierarquia
more » ... te hierarquia disposta em gradiente: esquema > subesquema > microconstrução > constructo. Assumimos que: a) o termo função deve ser utilizado na referência ao nível do esquema, o mais alto da hierarquia construcional; b) o termo significado seja usado para o nível do subesquema e da microconstrução; c) o termo sentido, por sua maior especificidade contextual, deve ser usado no plano do uso linguístico efetivo, do token. Para ilustrar tal proposição, que vincula o refinamento terminológico do eixo funcional da construção à hierarquização já referida, utilizamos os dados de Arena (2015), em sua pesquisa acerca da construcionalização gramatical que derivou na construção conectora lógica [daí que]cla em português.
doi:10.12957/soletras.2019.37628 fatcat:aq3ap3qvrnamjd7xwqvb2qtsta