DOENÇA DE ALZHEIMER: UM OLHAR FRENTE AO CUIDADOR FAMILIAR

Juliana Cavalcante de Arêdo, Valeria Alves Ferreira Soares da Rocha, Iolanda Bezerra dos Santos Brandão
1970 Hegemonia: Revista de Ciências Sociais  
A população idosa vem crescendo no mundo e no Brasil, com seu avanço populacional e o aumento da expectativa de vida, surgem diferentes tipos de doenças, sendo a Doença de Alzheimer (DA), umas das demências mais neurodegenerativa progressiva e fatal. O sintoma inicial da doença é caracterizado pela perda progressiva da memória recente. Na evolução da mesma, outras funções também serão identificadas com o comprometimento cognitivo, deambulação prejudicada, linguagem alterada até incontinência
more » ... té incontinência urinária e fecal. Objetivo:Discutir o impacto da doença de Alzheimer (DA) frente à família e/ou cuidador. Método:Trata-se de revisão da Literatura onde foram selecionados artigos organizados em bases de dados como Scielo, Lilacs, revistas Periódicas, Teses, Livro de tratado de Geriatria e Gerontologia, Protocolos e Diretrizes do Ministério da Saúde, site virtual da Associação Brasileira do Alzheimer. Os dados foram coletados entre anos de 2010 a 2017. Conclusão: O cuidador familiar e todos os familiares sofrem muitos impactos emocionais e físicos com a convivência com o portador, no entanto alguns grupos de apoio são disponibilizados, para sanar algumas dúvidas, questionamento e saber lidar com este portador na evolução da doença.
doi:10.47695/hegemonia.vi27.286 fatcat:djy2lbdqabfqnl456vebxmsxgi