Fontes de fósforo aplicadas na cultura do melão via água de irrigação

Luiza Teixeira de Lima Brito, José Monteiro Soares, Clementino Marcos Batista de Faria, Nivaldo Duarte Costa
2000 Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi  
Este estudo teve por objetivo avaliar o efeito de fontes de fósforo aplicadas via água de irrigação e, de modo convencional, na cultura do melão (Cucumis melo L.), híbrido AF-682, em um Latossolo Vermelho-Amarelo. As fontes analisadas foram superfosfato simples, fosfato monoamônico (MAP) e ácido fosfórico, aplicadas até 30 e 42 dias após o plantio. Todos os tratamentos receberam a mesma dosagem (120 kg ha-1 de P2O5), conforme recomendado pela análise do solo. O delineamento experimental foi de
more » ... xperimental foi de blocos casualizados, com quatro repetições. Constatou-se que as maiores produtividades de frutos comerciais foram obtidas com ácido fosfórico (32,20 e 28,90 t ha-1) aplicado via água de irrigação até 42 e 30 dias após a germinação, respectivamente, não diferindo das produtividades com o MAP aplicado via água de irrigação até 42 dias após a germinação (27,95 t ha-1) e pelo modo convencional (26,92 t ha-1). Verificou-se que as fontes de fósforo e os modos de aplicação não influenciaram no peso médio dos frutos (1,43 kg), sendo que 65% dos frutos obtidos se enquadraram nos tipos 8 a 10; entretanto, observou-se diferença significativa para o teor de sólidos solúveis totais (SST) nos frutos, por ocasião da colheita, com o maior valor obtido com o ácido fosfórico (12,53º brix).
doi:10.1590/s1415-43662000000100004 fatcat:cb55kbagfnboxixlqvhgzeyaqq