FERA DE MACABU: O ROMANCE-REPORTAGEM DE UM CONDENADO À MORTE

RILDO COSSON
2009 Signótica  
RESUMO Após realizar uma intensa pesquisa sobre o processo judicial que levou o fazendeiro Manoel da Motta Coqueiro à morte por enforcamento, Carlos Marchi escreveu Fera de Macabu: a história e o romance de um condenado à morte. A primeira parte do título se refere ao epíteto dado pelos jornais da época ao fazendeiro acusado de exterminar uma família de colonos em Macabu. A segunda procura justificar a opção do autor por uma narrativa que mistura jornalismo, história e literatura. Tal
more » ... tura. Tal localização remete a obra, segundo a leitura que aqui propomos, ao romance-reportagem como um gênero que é, ao mesmo tempo, jornalístico e literário. PALAVRAS-CHAVE: Romance-reportagem, pena de morte, gênero discursivo, fronteiras literárias. Ao nascer, um novo gênero nunca suprime nem substitui quaisquer gêneros já existentes. Qualquer gênero novo nada mais faz que completar os velhos, apenas amplia o círculo de gêneros já existentes. Ora, cada gênero tem seu campo predominante de existência em relação ao qual é insubstituível. Mikhail Bakhtin Recuperando não apenas o processo judicial em si, mas também toda a situação econômica, social e política do Brasil nos tempos do FERA DE MACABU: O ROMANCE-REPORTAGEM
doi:10.5216/sig.v12i1.7120 fatcat:zhsao655n5hbpcabkaicdk6qnm