Aspectos geomorfológicos e hidrográficos da Serra da Jiboia, Bahia

Juliana Carvalho Barbosa Ramos, Thomas Vincent Gloaguen, Gorgiana Bispo Dos Santos, Everton Luís Poelking, Oldair Del'Arco Vinhas Costa
2020 Revista Brasileira de Geografia Física  
A Serra da Jiboia abriga um dos últimos fragmentos do norte da Mata Atlântica Brasileira, cobrindo uma região de 440 km 2 , com uma proposta em andamento para a criação de uma Unidade de Conservação. O contexto geológico e geomorfológico único contribuiu para transformar a Serra da Jiboia em um refúgio ecológico isolado no Estado da Bahia. A peculiaridade da Serra também explica a presença de nascentes de rios importantes do Estado: Dona, Jiquiriçá, Paraguaçu e Jaguaripe. A Serra é uma barreira
more » ... erra é uma barreira orográfica, limite entre clima seco e úmido, e a região ao redor é explorado para atividades antropogênicas, principalmente a agricultura. Este estudo teve como objetivo caracterizar o relevo e a morfometria das bacias hidrográficas da Serra da Jiboia como uma das ações fundamentais para apoiar a preservação dos últimos fragmentos florestais. Foram analisados: declividade, razão de relevo, terreno e curvatura da encosta, orientação da encosta, curvas hipsométricas, coeficiente de compactação (Kc), fator de forma (F), densidade de drenagem (Dd), densidade de drenagem (Dd), densidade hidrográfica (Dh), número de canais (N) e sinuosidade (S). Observamos a predominância de áreas com rampa para declive acentuado e presença de bacias mais jovens em áreas de maior declive. A predominância de canais de primeira ordem mostra a fragilidade hidrológica do ecossistema da Serra e a baixa sinuosidade dos rios das principais bacias indica potenciais escoamento superficial, erosão e perda de solos. Concluímos que as características geológicas e geomorfológicas são aspectos fundamentais que comprovam a necessidade de manutenção da vegetação natural para a conservação do solo e da água. Palavras-chave: floresta ombrófila tropical, fragilidade do solo, unidade de conservação Aspectos geomorfológicos e hidrográficos da Serra da Jiboia, Bahia A B S T R A C T The Jiboia Range is one of the last northern fragments of Brazilian Atlantic Tropical Forest, covering a 440 km 2 region, with an ongoing proposal for the creation of a Conservation Unit. The unique geological and geomorphological context contributed to transforming the Jiboia Range into an isolated ecological refuge in Bahia State. The peculiarity of the range also explains the presence of important river sources of the State: Dona, Jiquiriçá, Paraguaçu, and Jaguaripe Rivers. The range is an orographic barrier, separating dry from and humid climate, then the surrounding environment is exploited for anthropogenic activities, mainly agriculture. This study aims to characterize the relief and morphometry of the watersheds in the Jiboia Range as one of the fundamental actions to support the preservation of last forest fragments. We analysed: slope aspect, relief ratio, terrain, and slope curvature, slope orientation, hypsometric curves, compactness coefficient (Kc), form factor (F), drainage density (Dd), hydrographic density (Dh), number of channels (N) and sinuosity (S). We observed the predominance of areas with rolling to steep slope and presence of younger basins in areas of higher slope. The predominance of first-order channels showed the hydrological fragility of the ecosystem of the range and the low sinuosity of the rivers of the main basins indicates potential surface runoff, erosion and soil loss. We concluded that the geological and geomorphological characteristics are fundamental aspects that prove the need to maintain natural vegetation for soil and water conservation.
doi:10.26848/rbgf.v13.5.p2241-2254 fatcat:55qydzgit5f25oildwgoperzua