Muhammad Ali, um outsider na sociedade americana?

Flávio Py Mariante Neto, Carlos Fabre Miranda, Mauro Myskiw, Marco Paulo Stigger
2010 Revista Brasileira de Ciências do Esporte  
O estudo analisa a carreira do boxeador Muhammad Ali segundo as formulações sobre as relações de poder em configurações apresentadas por Norbert Elias. O propósito foi compreender como um atleta que foi contra questões tão profundas da sociedade estabelecida obteve sucesso profissional. Tratou-se de um estudo documental, tendo como fonte livros, artigos e reportagens publicadas sobre a trajetória do lutador. Concluiu-se que apesar de Ali ter se posicionado contra padrões estabelecidos de sua
more » ... ca em questões como a religião, o racismo e o patriotismo, a sua habilidade técnica acima da média, o seu poder de autopromoção e a sua capacidade de participar do jogo no contexto configuracional de que fazia parte, lhe deram condições de sobrevivência no mundo do boxe e conseqüente sucesso profissional.
doi:10.1590/s0101-32892010000200008 fatcat:qfrm53yz3jgixgj5qcgc2gvzpq