O debate sobre direitos linguísticos e o lugar do linguista na luta dos sujeitos falantes de línguas minorizadas: quem são os protagonistas?

Julia Izabelle da Silva
2017 Revista Brasileira de Linguística Aplicada  
RESUMO Neste artigo, buscamos promover o debate teórico acerca dos direitos linguísticos e, ao mesmo tempo, problematizar o lugar do linguista nos processos de luta protagonizados pelos sujeitos falantes de línguas historicamente minorizadas. Para isso, apresentamos os argumentos dos autores que defendem os direitos linguísticos de minorias linguísticas e seus pressupostos teóricos, assim como as recentes críticas que têm sido feitas a tal paradigma, de modo a incitar uma reflexão sobre nossas
more » ... lexão sobre nossas práticas e posicionamentos enquanto teóricos da linguagem que falam de um lugar privilegiado. Concluímos que, no que concerne aos direitos linguísticos e às políticas linguísticas neles implicadas, os próprios sujeitos falantes das línguas minorizadas é que devem protagonizar tais debates, cabendo a nós, intelectuais acadêmicos, o papel de garantir espaços e condições para que a voz desses sujeitos seja ouvida.
doi:10.1590/1984-6398201711347 fatcat:reqrqptlifg43mhwzytcqkzb24