Resiliência em crianças acolhidas: suas percepções sobre as adversidades

Rosemara Conzatti, Clarisse Mosmann
2016 Psicologia em Revista  
<p>Resiliência em Psicologia envolve diferentes aspectos e capacidades das<br />pessoas de superar obstáculos, sendo considerado um fator relevante a ser<br />estudado no contexto do acolhimento institucional. Este estudo de caráter<br />exploratório, descritivo, com delineamento misto, objetivou analisar<br />a relação entre resiliência e fatores de risco e proteção na percepção de<br />crianças em acolhimento institucional. Foi realizado em duas etapas, sendo<br />a primeira por meio de uma
more » ... a por meio de uma escala de resiliência e a segunda, de uma<br />entrevista semiestruturada com dez crianças entre 6 e 12 anos acolhidas na<br />cidade de Porto Alegre. Os resultados apontaram que, apesar de o processo<br />de acolhimento institucional representar risco, foram constatados altos<br />níveis de resiliência. Em seus discursos, eles valorizaram os mecanismos<br />de proteção disponíveis, demonstrando lidar de forma adaptativa com<br />as adversidades. Concluiu-se que os mecanismos de proteção podem ser<br />explorados para promover a resiliência como fator de saúde mental.</p>
doi:10.5752/p.1678-9523.2015v21n2p351 fatcat:abuwlo3h5rauvoegsgbllk5ixy