Análise do ciclo de vida de veículos convencional, elétrico e híbrido plug-in para condições brasileiras

Lidiane La Picirelli Souza, Electo Eduardo Silva Lora, José Carlos Escobar Palacio, Mateus Henrique Rocha, Maria Luiza Grillo Renó
2016 Revista Ibero-Americana de Ciências Ambientais  
As emissões veiculares e o alto consumo de energia vinculado à cadeia de produção e uso de automóveis causam impactos significativos ao meio ambiente. Algumas medidas podem ser implementadas a fim de minimizar os danos causados por essas atividades. O uso eficiente de energia, assim como escolhas por produtos e serviços que liberem menores quantidades de poluentes, são práticas que visam à diminuição dos impactos ao meio ambiente. Diante dessa realidade, veículos elétricos e híbridos tem
more » ... híbridos tem atraído a atenção por parte de fabricantes, governos e consumidores, principalmente devido aos problemas relacionados à poluição atmosférica causada por emissões veiculares, aquecimento global e diminuição da utilização de combustíveis fósseis. O presente trabalho possui o objetivo de realizar uma Análise do Ciclo de Vida (ACV) para diferentes cenários da tecnologia veicular/combustível no Brasil, a fim de se conhecer os impactos ambientais causadas por cada um desses sistemas. Os resultados obtidos mostram que cenários que utilizam etanol como parte do combustível, possui o maior potencial de impacto para a acidificação. Já os sistemas que utilizam gasolina como combustível possuem maior potencial de impacto para o aquecimento global. Finalmente, os veículos híbridos e elétricos que utilizam a bateria de íon de lítio possuem maiores impactos para a toxicidade humana.
doi:10.6008/spc2179-6858.2016.003.0012 fatcat:t5ohdgt3ljd4bkzjmri4ycwyqq