UMA PROPOSTA PARA A MENSURAÇÃO DO AUTOCUIDADO EM IDOSOS

Selma Petra Chaves Sá, Dirley Moreira dos Santos, Lorena Maria Volkers Robers, Marcia Santos Andrade, Carlos Alberto Quadros Coimbra, Thiara Joanna Peçanha da Cruz
2011 Cogitare Enfermagem  
Estudo quantitativo objetivou construir escalas de Mokken relacionadas à capacidade de autocuidado de 48 idosos. A pesquisa utilizou a versão validada para o português do instrumento Appraisal of Self-Care Agency Scale (ASA-A) para avaliação do autocuidado. O questionário com 24 itens admite respostas em uma escala Likert com cinco alternativas. Para a análise, utilizou-se a teoria da resposta ao item não paramétrica. Do total de itens politômicos, 19 formaram duas escalas de Mokken: a de
more » ... Mokken: a de Capacidade Subjetiva de Autocuidado, com 11 itens e a de Capacidade Objetiva de Autocuidado, com 8 itens; Foi possível ordenar em duas escalas, de maior a menor capacidade de autocuidado, segundo o escore total de cada uma. Verificou-se que quando se trata de ações e atitudes objetivas, a capacidade de autocuidado dos idosos é menor do que quando se trata de ações e atitudes subjetivas.
doi:10.5380/ce.v16i4.25435 fatcat:3c2kafoxr5blhlkgv4fygmxiji