Drenagem Urbana - cálculos e estimativas através do Modelo Soil Conservation Service (SCS). / Urban Drainage - calculations and estimates using the model Soil Conservation Service (SCS)

Nathalia Bordon Pironato Sia, Júlia Castro da Silva
2021 Brazilian Journal of Development  
RESUMO Com o aumento da urbanização, o solo vem ficando cada dia mais impermeavél, trazendo problemas para as cidades que apresentam falhas em sua rede de drenagem, que é desde a captação da água até o seu escoamento. O sistema de drenagem urbano é composto pelos pavimentos das ruas, sarjetas, bocas de lobo, galerias de drenagem e sistemas de detenção e infiltração no pavimento. Quando o planejamento urbano apresenta uma falha, a impermeabilização das áreas de escoamento começa a ter sérios
more » ... ça a ter sérios problemas. O método utilizado, Soil Conservation Service (SCS), é um dos mais populares métodos de transformação chuva-vazão utilizados no meio técnico nacional devido a sua simplicidade, facilidade e qualidade dos resultados fornecidos. O estudo da vazão tem relação direta com o comportamento de uma bacia, seus rios e afluentes e se torna um aliado na gestão de recursos hídricos, seja este recurso utilizado para o abastecimento público quanto para a geração de energia. Palavras-Chave: drenagem urbana, vazão, modelo hidrológico. ABSTRACT With the increase in urbanization, the soil has become more and more impermeable, causing problems for cities that have flaws in their drainage network, which is from the collection of water to its drainage. The urban drainage system consists of street pavements, gutters, wolf mouths, drainage galleries and systems for detaining and infiltrating the pavement. When urban planning fails, waterproofing runoff areas begins to have serious problems. The method used, Soil Conservation Service (SCS), is one of the most popular rain-flow transformation methods used in the national technical environment due to its simplicity, ease and quality of the results provided. The flow study is directly related to the behavior of a basin, its rivers and tributaries and becomes an ally Brazilian Journal of Development
doi:10.34117/bjdv7n4-011 fatcat:d2sqv22hprbyzglypd2hmdsqoi