Test procedure for variable rate fertilizer on coffee

José Paulo Molin, Anamari Viegas de Araujo Motomiya, Flavia Roncato Frasson, Gustavo Di Chiacchio Faulin, Wanderson Tosta
2010 Acta Scientiarum: Agronomy  
The objective was to develop and test a procedure for applying variable rates of fertilizers and evaluate yield response in coffee (Coffea arabica L.) with regard to the application of phosphorus and potassium. The work was conducted during the 2004 season in a 6.4 ha field located in central São Paulo state. Two treatments were applied with alternating strips of fixed and variable rates during the whole season: one following the fertilizing procedures recommended locally, and the other based
more » ... d the other based on a grid soil sampling. A prototype pneumatic fertilizer applicator was used, carrying two conveyor belts, one for each row. Harvesting was done with a commercial harvester equipped with a customized volumetric yield monitor, separating the two treatments. Data were analyzed based on geostatistics, correlations and regressions. The procedure showed to be feasible and effective. The area that received fertilizer applications at a variable rate showed a 34% yield increase compared to the area that received a fixed rate. The variable rate fertilizer resulted in a savings of 23% in phosphate fertilizer and a 13% increase in potassium fertilizer, when compared to fixed rate fertilizer. Yield in 2005, the year after the variable rate treatments, still presented residual effect from treatments carried out during the previous cycle. Key words: precision agriculture, yield map, soil fertility. RESUMO. Método para avaliação de aplicação de fertilizantes em taxa variável em café. O objetivo foi desenvolver um procedimento para avaliar a resposta da produtividade de café (Coffea arabica L.), a partir da aplicação de fósforo e potássio. O trabalho foi conduzido durante o ciclo produtivo do ano de 2004 em um talhão de 6,4 ha localizado na região central do Estado de São Paulo. Foram aplicados dois tratamentos em linhas alternadas de plantas com doses fixas e variadas, um seguindo procedimentos e recomendações locais e o outro com base na amostragem de solo em grade. Para a aplicação dos fertilizantes, foi utilizado o protótipo de uma adubadora com duas esteiras independentes, uma para cada linha de plantas. A colheita foi executada com uma colhedora comercial equipada com monitor de produtividade volumétrico. Os dados foram analisados utilizando-se a geoestatística, correlações e regressões. O método mostrou-se efetivo e de fácil execução. A área que recebeu fertilizantes aplicados em doses variadas apresentou produtividade 34% maior se comparada com a área que recebeu adubação em taxa fixa. A aplicação em taxa variada resultou em economia de 23% de fósforo e aumento de 13% no consumo de potássio quando comparada com a aplicação dos fertilizantes em taxa fixa. A produtividade de café em 2005, no ciclo seguinte ao experimento, ainda apresentou efeitos residuais dos tratamentos aplicados no ciclo anterior. Palavras-chave: agricultura de precisão, mapa de produtividade, fertilidade do solo.
doi:10.4025/actasciagron.v32i4.5282 fatcat:kqjtcu3ijrbnhoixujxaaperfy