INFLUÊNCIA DA QUALIDADE DA SEMENTE E DO TIPO DE SUBSTRATO NA FORMAÇÃO DE MUDAS DE ESPINHEIRA-SANTA

Ana Paula de Jesus KOWALSKI, Diana SIGNOR, Eliana Márcia MACHADO, Luiz Antonio BIASI, Daniela Macedo de LIMA
2008 Scientia Agrária  
A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é uma espécie medicinal nativa do Brasil, com ampla utilização popular e grande demanda pela indústria de medicamentos fitoterápicos. Este trabalho teve como finalidade avaliar a influência da massa das sementes, estádio de coleta dos frutos e de substratos no desenvolvimento inicial de plantas de Maytenus ilicifolia. Sementes foram coletadas, no mês de janeiro de 2006, de plantas matrizes com 6 anos de idade, oriundas da Estação Experimental do Canguiri
more » ... imental do Canguiri da Universidade Federal do Paraná, Pinhais-PR. No primeiro experimento, sementes com diferentes massas foram coletadas de frutos abertos, tiveram sua massa fresca determinada individualmente em balança de precisão e foram semeadas em tubetes contendo substrato Plantmax HT®. No segundo experimento foram testadas concentrações de composto orgânico (0, 25, 50 e 75%) em mistura a terra. No terceiro experimento as sementes foram coletadas de frutos abertos, com o arilo e sementes expostas, e de frutos fechados, mas já com a coloração típica alaranjada até avermelhada. A massa fresca das sementes não afetou o desenvolvimento das mudas. Os substratos formados pela mistura de terra com composto orgânico, em todas as proporções testadas, proporcionaram maior número de folhas e maior altura das mudas em comparação com a terra pura, mas não afetaram a sobrevivência. As sementes coletadas de frutos fechados ou abertos não apresentaram diferença na sobrevivência ou no desenvolvimento inicial das mudas. A sobrevivência média foi de 88,95%.
doi:10.5380/rsa.v9i1.10127 fatcat:parb27svergjpe53oc2bnytzfm