PREVALÊNCIA DE OBESIDADE E HIPERTENSÃO ARTERIAL EM UMA COMUNIDADE URBANA DO DISTRITO FEDERAL, BRASIL

Maurílio Tiradentes Dutra, Karla Gonçalves Martins, Diego Batista Reis, Débora Kerolayne Santos, Edi Xavier Faria, Paulo César Ramos Araújo
2019 Revista Brasileira Ciências da Saúde - USCS  
Introdução: A hipertensão arterial e a obesidade configuram graves e cada vez mais emergentes desfechos em saúde pública. Objetivo: o propósito deste estudo foi avaliar a prevalência de sobrepeso, obesidade e hipertensão na comunidade urbana de Planaltina, DF, Brasil. Materiais e Métodos: Participaram do estudo 629 voluntários de 20 a 90 anos de idade que responderam a um questionário de saúde e foram submetidos aos seguintes procedimentos: medida da pressão arterial e avaliação antropométrica.
more » ... ção antropométrica. Resultados: A prevalência de hipertensão foi de 31,3%, sendo ligeiramente maior no sexo feminino (33,0 vs 28,1%) e crescente com o aumento da faixa etária. A prevalência de obesidade foi de 26,6%, sendo similar entre os sexos (26,7% no masculino e 26,5% no feminino). Excesso de peso (sobrepeso somado à obesidade) foi observado em mais de 50% da amostra em todas as faixas etárias. Conclusões: As prevalências de sobrepeso, obesidade, excesso de peso e hipertensão foram maiores do que as relatadas pelo inquérito telefônico mais recente do Ministério da Saúde. Esses achados são preocupantes e apontam para a premência de ações do poder público que interfiram positivamente na saúde da população estudada.
doi:10.13037/ras.vol17n59.5054 fatcat:qftazafxf5h2xkc7bgdv7ywioa