A onça-gato, quimera da quarentena

Ana Lucia Lucas Martins
2020 Áskesis. Revista dos discentes do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de São Carlos  
O cotidiano do novo "isolamento social" é relatado neste ensaio de modo a construir uma narrativa que expressa uma sociabilidade que se marca por um dentro-fora produzido pela rotina da experiência da quarentena. À rotina é imposta a mediação de dispositivos tecnológicos para lidar com a realidade criada pela necessidade de conter o contágio pelo vírus. A evolução do ensaio encontra questões que atravessam o fazer sociológico.
doi:10.46269/9ee20.485 fatcat:vow64cz3urebfcwu5rur4677dm