AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DE SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO POR ASPERSÃO CONVENCIONAL FIXO E GOTEJAMENTO EM VILA RURAL

Eguimar Amorim Maciel de Souza, Paula Cristina de Souza, Márcio Antônio Vilas Boas
2008 Irriga  
AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DE SISTEMAS DE IRRIGAÇÃO POR ASPERSÃO CONVENCIONAL FIXO E GOTEJAMENTO EM VILA RURAL Eguimar Amorim Maciel de Souza; Paula Cristina de Souza; Márcio Antônio Vilas BoasCentro de Ciências Exatas e Tecnológicas, Universidade do Oeste do Paraná, Cascavel , Pr, eguimar_souza@uol.com.br 1 RESUMO O manejo racional da irrigação consiste na aplicação da quantidade necessária de água às plantas no momento correto. É recomendável após a instalação de um sistema de irrigação,
more » ... irrigação, proceder-se a testes de campo, com o objetivo de se verificar a adequação da irrigação recomendando, quando necessário, ajustes na operação e, principalmente, no manejo. O propósito deste trabalho foi avaliar dois sistemas de irrigação, sendo um por aspersão convencional fixo e outro por gotejamento, implantados na Vila Rural Flor do Campo, localizada na região Noroeste do Estado do Paraná, através da determinação dos parâmetros de uniformidade e eficiência de distribuição de água. Foram utilizadas as metodologias propostas na norma ABNT NBR ISO 7749-2, Asae (1995) e por Keller & Karmeli (1975). Foram realizados trinta ensaios em cada sistema de irrigação. Para o sistema de irrigação por aspersão foi obtido CUC de 77,9%, considerado abaixo do valor mínimo aceitável de 80%, sendo que a velocidade do vento variou de 0 a 2,4 m s-1. As eficiências de aplicação (Ea) e armazenagem (Es) obtidas neste sistema foram, respectivamente, de 77,0% e 48,8%. No sistema de irrigação por gotejamento foi obtido CUC de 93,7% considerado valor excelente. A Uniformidade de Emissão (UE) encontrada foi de 89,3% sendo considerada boa. As eficiências de aplicação (Ea) e armazenagem (Es) obtidas neste sistema foram, respectivamente, de 100% e 65,0 %. UNITERMOS: Irrigação, aspersão convencional, gotejamento, uniformidade, eficiência, avaliação. SOUZA, E. A. M.; SOUZA, P.C.; VILAS BOAS, M. A. PERFORMANCE EVALUATION OF FIXED CONVENTIONAL ASPERSION AND DRIPPING IRRIGATION SYSTEMS IN A RURAL VILLAGE 2 ABSTRACT The rational handling of the irrigation consists of the application of the necessary amount of water to the plants at the correct moment. After the installation of an irrigation system, it is recommended the field tests be carried out in order to verify the adequacy of the recommended irrigation and , when necessary, to adjust the operation and, mainly, the handling. The aim of this work was to evaluate two irrigation systems, a fixed conventional aspersion system and a dripping one, installed in the l Flor do Campo, a rural village located in the Northwest of Paraná state, through the determination of the parameters of water distribution uniformity and efficiency. The methodologies used were according to the ABNT NBR ISO 7749-2 norm, Asae (1995) and for Keller & Karmeli (1975). Thirty assays in each irrigation system were tested. In the irrigation system with aspersion CUC of 77.9%, which is considered below the minimum acceptable value of 80%, was found considering that the wind speed varied from 0 to 2.4 ms-1. The efficiencies of application (Ea) and storage (Es) obtained in this system were 77.0% and 48.8 %, respectively. In the dripping irrigation system, a CUC of 93.7%, considered an excellent value, was found. The EU was 89.3% and considered good. The efficiencies of application (Ea) and storage (Es) gotten in this system were 100% and 65. 0 %, respectively. KEY WORDS: Irrigation, conventional aspersion, dripping, uniformity, efficiency, evaluation.
doi:10.15809/irriga.2008v13n1p47-62 fatcat:bzm7t37g6rhr5n7j7ea7feq4vq