Gênero e Estilo de Gestão: Um Estudo em Organizações Não Governamentais (ONGs) Brasileiras

Giancarlo Gomes, Débora Gomes Machado, Ilse Maria Beuren, Patrícia Siqueira Varela
2011 Revista Sociedade, Contabilidade e Gestão  
Este estudo objetiva identificar o estilo de gestão predominante em organizações do terceiro setor, quanto ao gênero. Pesquisa descritiva, de caráter quantitativo, foi realizada por meio de survey, com aplicação de um questionário em 288 ONG's pertencentes à Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais, destas onze responderam à pesquisa. Os resultados indicam que o gênero predominante na liderança é feminino. As ONGs, em sua maioria, não têm política de recursos humanos, todas têm
more » ... lanos traçados para o futuro. No estilo de liderança, a orientação para pessoas é maior do que a orientação para tarefas e poder. Nos valores organizacionais, os resultados apontam que o valor mais importante é o "respeito", que está ligado a estima às pessoas e suas opiniões. Outros valores considerados importantes foram "comprometimento" e "dedicação". Os valores considerados menos importantes foram o respeito aos níveis de autoridade, "hierarquia" e "fiscalização". A gestão das ONG's estudadas possui características de um estilo de gestão feminino.
doi:10.21446/scg_ufrj.v6i2.13237 fatcat:q2tvxxjwerhuvobzb7l26fecae