Estratégias patêmicas nos discursos divisivos: interfaces entre a neurociência e a semiolinguística

Fernando Simões Antunes Junior, Ernani César De Freitas
2019 Revista FAMECOS  
Este artigo explora alguns pressupostos da semiolinguística de Charaudeau (2009; 2010; 2011; 2016), de forma a colocá-los em interface com conhecimentos acerca das emoções (DAMÁSIO, 2000; EKMAN, 2011; MAURANA, 2009) e do dialogismo sistêmico (BATESON, 1987; WATZLAWICK et al., 2007). O objetivo é identificar e analisar as correspondências entre as visadas patêmicas do discurso e os acionamentos emocionais que constituem a pragmática da comunicação humana. Acredita-se que tais interfaces possam
more » ... interfaces possam lançar um olhar sistêmico sobre o fenômeno dos discursos divisivos (BENESCH, 2012). O corpus de análise é constituído por uma postagem do MBL publicada no Facebook sobre o assassinato da vereadora carioca Marielle Franco. A pesquisa é descritiva, bibliográfica, com abordagem qualitativa. Como resultado, tem-se que as estratégias discursivas categorizadas por Charaudeau (2010) encontram correlatos entre as funções homeostáticas das emoções de Damásio (2000), lançando novas compreensões sobre a eficácia e o efeito viral dos discursos divisivos.
doi:10.15448/1980-3729.2019.1.30718 fatcat:byrtk3bswrf2zh3r3ppxhsbfci