EFICIÊNCIA DE ANTI-SOROS PRODUZIDOS PARA PECTOBACTÉRIAS CAUSADORAS DE PODRIDÃO MOLE EM BATATA

JOSÉ RICARDO PFEIFER SILVEIRA, LUIS ANTÔNIO SUITA CASTRO, OLINDA MARIA MARTINS, MERY ELIZABETH OLIVEIRA COUTO, VALMOR BARNI
2002 Pesquisa Agropecuária Gaúcha  
Anti-soros produzidos a partir de células inteiras e não tratadas de Pectobacterium carotovorum subsp. atrosepticum (Pca), P. carotovorum subsp. carotovorum (Pcc) e P clzrysanthemi (Pch), foram testados em plantas de batata com sintomas de podridão mole. As hastes de batata, quando comparadas com raízes e folhas, foram melhores para indexação sorológica de Pectobacterhon spp., porém, somente amostras com sintomas apresentaram antígenos suficien- tes para a viabilização do teste de aglutinação
more » ... te de aglutinação em látex. De 66 plantas de batata com sintomas de podridão mole, coletadas a campo e indexadas sorologicamente, 51 reagiram com pelo menos um dos anti-soros. Dos isolados bacterianos obtidos a partir destas amostras, somente 23 não foram considerados típicos para o gênero Pectobacterium pelos testes bioquímicos e não reagiram sorologicamente. Dos 43 isolados de Pectobacterium spp., 26 foram considerados Pca e 17 como Pec, pelos testes bioquímicos e fisiológicos. Porém, apenas 17 isolados reagiram com os anti-soros para ? carotovorum (Pca e Pcc) e. mesmo assim, nem todos corresponderam à caracterização prévia pelos testes bioquímicos. O baixo número de reações sorológicas com os isolados bacterianos indicaram haver uma seleção involuntária de estirpes para diferentes sorogrupos. Nenhum isolado reagiu com o anti-soro para Pch. Concluiu-se que o teste imunológico de aglutinação em látex se constitui em um processo auxiliar e preliminar para identificação de bactérias do gênero Pectobacterium, principalmente, quando associado aos testes bioquímicos e fisiológicos.
doaj:dea49b4fbd0a4ef488b703ae04d5cab5 fatcat:yi6n3ninivc2xdmqiaeg3mqake