Multisignificação e intertextualidade

Lourdes Malerba Gabrielli
2015 Texto Digital  
http://dx.doi.org/10.5007/1807-9288.2015v11n1p105O presente artigo tem por objetivo analisar questões da hibridação, tomando como base os estudos da mestiçagem e da cultura barroca como fator de multisignificação e intertextualidade.Por multisignificação se entende o resultado de processos de natureza intersemiotica, que pode ser analisado à luz da cultura barroca e dos elementos presentes nas culturas mestiças, sendo a intertextualidade entendida como o procedimento através do qual se dão as
more » ... do qual se dão as imbricações, geradoras de hibridações. Os conceitos dehiperculturas e hiperfronteiras, presentes nas analises,são parte de pesquisa em desenvolvimento, e levam a estudar a hipertextualidade e a cultura digital em relação com a cultura barroca, buscando pontuarpossíveis aproximações entre os recursos teóricos dos dois ambientes, analisando aindaas imbricações geradas nos processos tradutórios. Através de um breve estudo das questões da mestiçagem e hibridação cultural, bem como da cultura barroca e do universo digital, pretende-se abordar as imbricações e a latência da tradução nas culturas moventes.
doi:10.5007/1807-9288.2015v11n1p105 fatcat:bzmnpaetsbd5ladjx474cs6q3i