Manejo do solo e da irrigação no controle de Meloidogyne incognita em cultivo protegido

Marcos R. Dutra, Vicente P. Campos, Fernando S. Rocha, Juliana R. C. Silva, Edson A. Pozza
2006 Fitopatologia Brasileira  
A flutuação populacional de juvenis do segundo estádio (J2) de M. incognita e sua infectividade foram estudadas por meio de bioteste em solo revolvido com ou sem irrigação, comparadas a condições de solo não revolvido nem irrigado, considerado testemunha, e com apenas irrigado, em casa-de-vegetação por 14 dias. Aos sete dias, a população de J2 no solo foi significativamente reduzida apenas nas parcelas revolvidas. Entretanto, a infectividade do inóculo no solo nesse período, avaliada em
more » ... avaliada em bioteste, foi reduzida apenas nas parcelas revolvidas e irrigadas. Aos 14 dias, a população de J2 no solo foi menor nas parcelas revolvidas com ou sem irrigação, porém continuou sendo a mais baixa nas parcelas apenas revolvidas. Contudo, a infectividade do inóculo no solo neste período foi mais baixa nas parcelas revolvidas e irrigadas e mais elevada na testemunha.
doi:10.1590/s0100-41582006000400013 fatcat:rhlos4j7jjhfnm4fw553b6nomm