Os estranhamentos entre aqueles que estavam e aqueles que chegam: representações sobre o espaço e as relações entre indígenas e imigrantes alemães no rio Grande do Sul, Brasil

Daniel Luciano Gevehr, Gabriela Dilly
2016 História Unicap  
A pesquisa analisa as representações sobre o espaço natural e sobre a relação existente entre os nativos e os colonizadores da área de colonização alemã no Rio Grande do Sul, construídas em diferentes épocas e contextos, pelo intelectual e político Karl Von Koseritz, pelo jesuíta Ambrósio Schupp e pelo monsenhor Matias José Gansweidt. Privilegiamos em nossa pesquisa os escritos produzidos por Koseritz e Schupp no final do século XIX, colocando os Mucker como exemplo dos colonizadores que foram
more » ... izadores que foram seduzidos pela natureza selvagem e, com isso, comparados aos nativos que habitavam a região. Num segundo momento, aproximamos nossa análise sobre os escritos de Matias José Gansweidt, que na década de 1940, produziu suas narrativas sobre os ataques dos nativos nas áreas ocupadas pelos imigrantes alemães no Rio Grande do Sul. Discutimos quais os elementos simbólicos presentes nessas narrativas e, em que medida, estas podem ser entendidas como responsáveis, em grande parte, pela difusão de representações negativas sobre os nativos e suas relações com os imigrantes alemães, na passagem do século XIX para o século XX.
doi:10.25247/hu.2016.v3n6.p383-398 fatcat:lohkorpk3vbsrhhcxbytl63v4q