Anabolizantes

Gabriela Silva Moraes, Paulo Henrique Ribeiro Fernandes Almeida, Lucas Brasileiro Lemos, Gisele da Silveira Lemos
2020 JMPHC | Journal of Management & Primary Health Care | ISSN 2179-6750  
O trabalho teve como objetivo avaliar os erros de prescrição e dispensação de medicamentos anabolizantes em uma farmácia comunitária no sudoeste da Bahia. Trata-se de um estudo transversal, descritivo-analítico, realizado com auxílio de um formulário padronizado, o qual avaliou a completude e legibilidade das receitas de controle especial de anabolizantes, dispensadas durante o período de abril de 2014 a abril de 2018. Os dados coletados foram tabulados e analisados no software Epidata 3.1 e
more » ... re Epidata 3.1 e SPSS na sua versão 21.0, respectivamente. Adotando um nível de significância p<0,05. Foram analisadas 128 prescrições de medicamentos anabolizantes identificando um total de 691 erros, sendo as falhas na prescrição apresentadas como de maior ocorrência (76%): omissão do endereço do paciente, duração de tratamento e forma farmacêutica. A prescrição de Durateston® foi predominante em 67,2% das receitas e dentre as especialidades prescritoras sobressaíram às prescrições de médicos em relação a cirurgião-dentista e médico veterinário. Sobre o processo de dispensação, foi notada a ausência da assinatura ou carimbo do farmacêutico em 100% das receitas. As avaliações das prescrições demonstraram a ocorrência de erros tanto no processo de prescrição como no de dispensação, evidenciando a importância da completude das prescrições e adequação as legislações a fim de promover a segurança do paciente.
doi:10.14295/jmphc.v12.961 fatcat:it6l3ninpbhnnivhwlbm7jv4hu