Grupo e instituição: relações de poder na dialética de um processo grupal de aprendizagem

Shirley Martins de Macêdo
1998 Estudos de Psicologia (Campinas)  
Aprensentam-se teorizações sobre processo grupal de aprendizagem, enfocando o papel do facilitador enquanto mediador entre o grupo e o contexto social mais amplo. A partir de um processo vivido por um grupo de alunos, num curso de pós-graduação, numa instituição particular de ensino, procura-se compreender como as expectativas de papéis e as relações de poder estabelecidas entre o grupo e a instituição podem estar relacionadas com o processo de aprendizagem. Conclui-se, principalmente, que as
more » ... ipalmente, que as relações de poder podem ter sido determinantes do processo dialético que ocorreu no grupo.
doi:10.1590/s0103-166x1998000200003 fatcat:h2ow6h22enertlhroaudrwukv4