Contribuições da visita domiciliar na formação em fisioterapia

Paulo Adão de Medeiros, Hedioneia Maria Foletto Pivetta, Margarida da Silva Mayer
2012 Trabalho, Educação e Saúde  
A visita domiciliar, além de ser uma ferramenta de trabalho para o cuidado das pessoas, pode ser utilizada como estratégia de ensino na área da saúde. Desenvolveu-se um estudo exploratório, descritivo, de natureza qualitativa com oito estagiários de fisioterapia que realizaram visitas domiciliares em uma unidade da Estratégia Saúde da Família com o objetivo de compreender os significados atribuídos a essa atividade de cuidado em saúde no processo de aprendizagem. Utilizou-se a técnica do grupo
more » ... a técnica do grupo focal, que foi gravado e transcrito para posterior análise e interpretação dos dados por meio da análise temática, a qual originou três eixos orientadores: a vivência da visita domiciliar em atenção básica e a reorientação da formação profissional do fisioterapeuta; a atenção básica e a visita domiciliar na perspectiva da humanização do fazer fisioterapêutico; e a ressignificação da visita domiciliar na construção do aprendizado. Conclui-se que a visita domiciliar torna-se uma ferramenta pedagógica importante na aprendizagem dos acadêmicos de fisioterapia, porém precisa estar associada a outras atividades na rede de cuidados, tais como desenvolvimento de atividades grupais, participação em campanhas e mutirões da saúde, conselho local de saúde, entre outras, para efetivamente trazer mudanças aos modelos de formação e de atenção à saúde.
doi:10.1590/s1981-77462012000300004 fatcat:caeh7wmn7rcqpmzc6cjx2wpteq