Relação homem versus touro nas arenas de rodeio

Matheus Hernandes Leira, Gabriel Cristino Colsani, Hortência Aparecida Botelho, Bianca Batista Barreto, Hadassa Cristhina de Azevedo Soares dos Santos, Lucas Silva Reghim
2018 PubVet  
RESUMO. O Rodeio foi reconhecido como um esporte competitivo durante as primeiras décadas do vigésimo século, o objetivo deste trabalho é mostrar a relação do peão que é um atleta e sua relação com os touros de rodeio, o peão deve permanecer sobre o animal durante oito segundos segurando-se apenas com uma mão em uma corda (montarias em touros) ou sela (montarias em cavalos) de acordo com a modalidade de montaria, a outra mão deve ser colocada para cima e caso encoste-a no animal ou na cerca o
more » ... mal ou na cerca o atleta é desclassificado, logo após a montaria o touro para de pular. Este esporte é conhecido pela força muscular, agilidade, equilíbrio e coragem com que os competidores enfrentam os animais treinados, entretanto, grande parte dos estudos relacionados ao rodeio competitivo prioriza os aspectos psicológicos e as lesões ocorridas nesse esporte, não caracterizando o perfil de aptidão física de seus participantes, a grande diferença de força e peso entre os atletas e os animais. Palavras chaves: Bem-estar animal, arena de rodeio, montaria em touros Relation between man and bull in the rodeo arenas ABSTRACT. The Rodeo was recognized as a competitive sport during the first decades of the twentieth century, the aim of this work is to show the relationship of the pedestrian who is an athlete and his relationship with the rodeo bulls. The pawn should remain on the animal for eight seconds by holding only one hand on a rope (bull riding) or saddle (riding on horses) according to the riding mode. The other hand must be placed upwards and if it is touched on the animal or on the fence the athlete is disqualified, soon after riding the bull stops jumping. However, most of the studies related to competitive rodeo prioritize the psychological aspects and the injuries that occurred in this sport, not characterizing the profile of physical fitness. This sport is known for the muscular strength, agility, balance and courage with which competitors face trained animals. of its participants, the great difference of strength and weight between athletes and animals.
doi:10.31533/pubvet.v12n8a141.1-8 fatcat:sl4i2zw4bnao7ods3pqwxvzrjm