Performatividades de Gênero em Unidades Prisionais Femininas do Rio de Janeiro

Luisa Bertrami D'Angelo, Vanessa Pereira de Lima, Vanessa de Andrade da Costa, Jimena de Garay Hernández, Bárbara Silva da Rocha, Gabriela Salomão Alves Pinho, Anna Paula Uziel
2018 Psicologia: Ciência e Profissão  
Resumo O Brasil vive hoje um superencarceramento e, em seu bojo, tem especial destaque o aumento da população carcerária nas unidades femininas. Este artigo tem como objetivo pensar, a partir de algumas linhas que conectam três pesquisas realizadas entre 2009 e 2017, no Rio de Janeiro, como se des/re/criam performatividades de gênero no contexto de unidades prisionais femininas. Para tal, convidamos algumas personagens, conjugando interlocutoras que habitaram os campos de pesquisa, para
more » ... quisa, para ingressarmos em uma Cartografia, perspectiva que costura um posicionamento ético, político e metodológico. Através de catuques e cartas como dispositivos de escrita, essas personagens se narram nas forças que compõem a trama de relações de poder, afeto e erotismo nas experiências de restrição e privação de liberdade. A partir disso, discutiremos como performatividades de gênero, conformando e transbordando categorias, compõem a paisagem prisional, habitada por intensidades, jogos, disputas e negociações, constituindo linhas que produzem variados arranjos de gênero e sexualidade.
doi:10.1590/1982-3703000212199 fatcat:ke3le73kkrc4zcnmkwkalip2ny