Bibliografia sobre Comunicação e Educação

Ismar De Oliveira Soares
1998 Comunicação & Educação  
LEãO, Lúcia I. C. (org.). O labirinto da hipermídia: arquitetura e navegação no ciberespaço. 3. ed. São Paulo: Iluminuras, 2005. 158 p. O livro de Lúcia Leão foi editado pela primeira vez em 1999, como trabalho derivado de sua dissertação de mestrado em Comunicação e Semiótica. O cerne da pesquisa, que residia na construção de um poema hipermidiático, propiciou à autora um grande levantamento de conceitos sobre a Hipermídia e o Labirinto como modelo arquitetônico para construção e navegação no
more » ... ção e navegação no ciberespaço. Promover a aproximação entre mitologia universal -geralmente associada ao estudo do passado -e idéias pertencentes ao universo futurístico da cibercultura é uma operação delicada que a obra realiza com competência. O mérito de Leão se baseia não apenas na escolha feliz do labirinto como metáfora do espaço difuso e polissêmico da internet, mas principalmente na compilação e tradução, para o leitor não-especialista, de inúmeras referências filosófico-estéticas, filosóficas e tecnológicas. Assim, o livro resulta numa leitura fluente e didática, que se afasta de grandes aprofundamentos/questionamentos acadêmicos (ou mesmo da metodologia da semiótica), e num bom ponto de partida para discussões do interesse de pesquisadores iniciantes e do público interessado em geral. GRINSPUN, Mírian P. S. Zippin (org.). Educação tecnológica: desafios e perspectivas. 2. ed. São Paulo, Cortez, 2001. 231 p. Passados quase sete anos de sua publicação, os textos que compõem o livro continuam atuais na abordagem de aspectos diversos, e complementares da relação entre Educação e Tecnologia. A busca por uma visão interdisciplinar do tema, a preocupação com o aclaramento de conceitos (tecnologia diferenciandose de técnica, por exemplo) e o foco centrado nas questões éticas, asseguram ao conjunto de textos organizados por Mírian Zippin Grinspun (UERJ) um lugar entre as referências bibliográficas pertinentes à área da mediação pedagógica, própria do campo da educomunicação. É Grinspun quem inicia o debate no texto introdutório Educação tecnológica, no qual ela se encarrega de estabelecer alguns pressupostos sobre a importância de um projeto pedagógico que contextualize a tecnologia, priorizando sua importância social dentro de uma dimensão humanista. O capítulo Por uma filosofia da tecnologia, escrito por Anna Maria M. Rodrigues analisa o desenvolvimento histórico do pensamento filosófico sobre e 1. Os colaboradores Mar ciel Consani e Izabel Leão realizaram o levantamento da bibliografia e o texto de divulgação. 2. O NCE localizase na Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443 -bloco 9, sala 8 -Cidade Universitá ria -CEP 0558900 -São Paulo/SP -Tel.: (11) 3091 4784.
doi:10.11606/issn.2316-9125.v0i13p134-135 fatcat:caak3xo2tveotfdawfxr7dwp2u