NÍVEL DE ACEITAÇÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO POR PRODUTORES RURAIS

A.C. Cunha, F. F. Putti
2020 Revista Brasileira de Engenharia de Biossistemas  
A Tecnologia da Informação tem desempenhado um papel fundamental nos mais diversos setores profissionais, inclusive nos setores agrícolas, trazendo facilidades nos processos, armazenamento de dados, relatórios dos mais diversos tipos e, também, por meio da Internet, consultas e aquisição de conhecimentos. Todavia, nem sempre é realizada a adoção da Tecnologia da Informação por produtores rurais, mesmo tendo em mente as vantagens que ela proporciona. Diante deste contexto, objetivou-se com o
more » ... etivou-se com o presente artigo, analisar o nível de aceitação da tecnologia da informação pelos produtores rurais de algumas cidades da região Sul de Minas Gerais. Para tanto, realizou-se um levantamento de dados por meio de um questionário com 18 questões que foi aplicado com 44 produtores rurais. Por meio dos questionários aplicados, foi possível constatar que grande parte dos agricultores têm acesso à Internet e dispositivos como, por exemplo, computadores. Porém, ainda possuem certa resistência no que tange a adoção da Tecnologia da Informação, mesmo tendo em mente que tal tecnologia poderia auxiliá-los em seus processos de produção. ABSTRACT Information Technology has played a fundamental role in the most diverse professional sectors, including in the agricultural sectors, providing facilities in the processes, data storage, reports of various types and also through the Internet, consultations and acquisition of knowledge. However, the adoption of Information Technology by rural producers is not always done, even with the advantages it provides. In this context, the objective of this article was to analyze the level of acceptance of information technology by rural producers in some cities in the southern region of Minas Gerais. For that, a data survey was carried out through a questionnaire with 18 questions that was applied with 44 rural producers. Through the questionnaires applied, it was possible to verify that many farmers have access to the Internet and devices such as computers. However, they still * fernando.putti@unesp.br
doi:10.18011/bioeng2020v14n3p264-273 fatcat:w6irtdswrvdivcz5kbjgwq7awu