E AFINAL SOFTWARE É MERCADORIA OU NÃO?

Carla Eugenia Caldas Barros
2016 Revista de Propriedade Intelectual  
doi:10.16928/2316-8080.v10n3p.048-070 fatcat:cmtqgpx3uban3puvdas6pb5esa