A visão convencional sobre a abertura financeira e suas mutações recentes

André Martins Biancareli
2010 Estudos Econômicos  
O presente trabalho tem por objetivo proceder a uma revisão crítica da literatura convencional sobre a abertura financeira, com foco nos países em desenvolvimento. Desde os benefícios teóricos clássicos advindos da integração financeira, até as abordagens mais recentes que se propõem a repensar a globalização, o esforço é de caracterização e análise da evolução da visão convencional. Neste caminho, são apreciados também os debates empíricos relativos ao tema, os posicionamentos dissidentes no
more » ... os dissidentes no interior do mainstream economics, e os novos elementos apontados pelo chamado balance sheet approach (como a "intolerância ao endividamento", o "descasamento de moedas" e o "pecado original"). Os resultados desta evolução, apesar dos inegáveis progressos em relação aos argumentos que orientaram os processos de abertura nos países em desenvolvimento nas décadas de 1980 e 1990, compõem um quadro de avanços pontuais e isolados, que não permitem identificar uma verdadeira revisão teórica.
doi:10.1590/s0101-41612010000400007 fatcat:it4wmlz3nnfw3ngvu7xrahyywe