Uso de drogas por jovens infratores: perspectiva da família

Catia Campaner Ferrari Bernardy, Magda Lucia Felix de Oliveira
2012 Ciência Cuidado e Saúde  
RESUMO Objetivou-se relatar a visão de familiares de jovens institucionalizados sobre os motivos da iniciação do uso de drogas de abuso. Estudo descritivo e transversal, desenvolvido nos municípios de Rolândia e Cambé-Paraná, no Centro de Recuperação Vida Nova, com 11 familiares responsáveis pelos jovens. Utilizou-se um roteiro para entrevista semiestruturado. A análise dos dados seguiu a técnica de análise de conteúdo proposta por Minayo. As relações familiares e sociais, a estrutura familiar
more » ... estrutura familiar e a comunicação familiar estavam relacionadas à iniciação do uso de drogas pelo jovem institucionalizado. O grupo estudado apresentava vários eventos desfavoráveis no ambiente familiar, que podem ter atuado como fator indutor ao uso de drogas de abuso: condições socioeconômicas precárias; perda de membro familiar na infância por falecimento; doenças na família, principalmente o uso de álcool e drogas; brigas e separação dos pais; violência intrafamiliar física e psicológica; violência social e convivência do jovem com o crime. Conclui-se que a identificação dos fatores, pelos familiares, que levaram o jovem ao uso de drogas está na supervalorização do relacionamento interpares e em menor proporção na falta de carinho dos pais, eles não se sentiam corresponsáveis pela inicialização do uso de droga pelo jovem. Palavras-chave: Relações Familiares. Drogas ilícitas. Adolescente.
doi:10.4025/cienccuidsaude.v11i5.17072 fatcat:ekzgbbusbjdodnsc3rhbpp7tfe