Relações interespecíficas entre parasitoides nativos de moscas-das-frutas e o braconídeo exótico Diachasmimorpha longicaudata em frutos de 'umbu-cajá'

Zuzinaide Vidal Bomfim, Romulo da Silva Carvalho, Carlos Alfredo Lopes de Carvalho
2009 Ciência Rural  
Espécies de vespas parasitoides (Hymenoptera: Braconidae) são importantes agentes de controle biológico de moscas-das-frutas (Diptera: Tephritidae). Este trabalho teve por objetivo conhecer os efeitos da liberação e as relações de competitividade interespecífica do parasitoide exótico Diachasmimorpha longicaudata Ashmead sobre o complexo de parasitoides nativos de moscas-das-frutas associado a frutos de 'umbu-cajá' (Spondias spp.) na região do Recôncavo Baiano. Entre os meses de abril e julho
more » ... de abril e julho de 2006, 8.955 frutos (192,93kg) foram coletados antes e após (24 e 48 horas) a liberação de 9.600 fêmeas de D. longicaudata em campo. Obteve-se um total de 8.724 pupários de Tephritidae, dos quais emergiram 3.963 adultos de Anastrepha obliqua (Macquart) e 1.115 parasitoides. A maior frequência relativa foi de Doryctobracon areolatus (Szépligeti), seguida por Asobara Anastrephae (Muesebeck) e Utetes Anastrephae (Viereck). Após 24 e 48 horas da liberação do parasitoide exótico D. longicaudata em campo, constatou-se que o índice de parasitismo total aumentou de 15,86 para 20,4 e 45,19%, respectivamente. Assim, observou-se que a liberação da espécie exótica D. longicaudata não apresenta efeitos negativos na ocorrência dos parasitoides nativos e contribui para complementar o controle biológico natural de A. obliqua em frutos de 'umbu-cajá', nas condições deste estudo.
doi:10.1590/s0103-84782009005000237 fatcat:hud6nimawnh6vg2m6sszeliyx4